Alimentacao modificando o humor...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Alimentacao modificando o humor...

Mensagem  Milene Nery em Ter 21 Abr 2009, 22:59

Reis, diplomatas, empresas de turismo, a menina que irá fazer do seu filho um esposo, todas essas pessoas possuem uma coisa em comum: elas sabem que, para ganhar alguém, você deve começar pelo estômago. Essa conversa de "ganhar com um olhar" ou "seduzir com um perfume" é muito bonita e tudo mais, mas o animal faminto que existe dentro de nós simplesmente não é capaz de resistir à velha e boa comida.

Mas por que o ato de comer desperta um prazer tão grande? Outro dia me responderam: porque sem comer você não vive. Ótimo. Você não vive sem respirar ou piscar os olhos idem, mas isso não quer dizer que você larga tudo que está fazendo quando alguém lhe convida para dois copos de fôlego. E você já marcou com seus amigos "vamos piscar os olhos lá em casa, quer vir?". O fato é que, entre as nossas orelhas, existe uma maquininha de calcular capaz de fazer algo entre 1013 e 1016 operações por segundo (sim, isso tudo de zeros). E este prodígio - o seu Cérebro - é um ávido consumidor de energia.

Apesar de representar 2% do peso corporal, o cérebro é responsável por cerca de 20% do consumo de oxigênio e energia do organismo. Da mesma forma que o motor de um carro, o desempenho dependerá da qualidade do combustível que você consome.

A química dos alimentos modifica a produção dos neurotransmissores, as substâncias utilizadas pelo cérebro para transmitir impulsos nervosos. Por exemplo: se o desânimo está ameaçando sua segunda-feira, procure comer salmão, atum ou sardinha. Estes alimentos são ricos em Ácidos Graxos tipo Ômega-3, uma substância útil para combater a depressão, o mau-humor e a impulsividade. A lecitina, presente na soja e nos ovos, também é essencial para o funcionamento cerebral, afetando não apenas o humor, mas também a memória e a concentração.

Para temperar a alegria durante o dia, você não deve passar mais do que 4 horas em jejum. Ficar muito tempo sem comer reduz os níveis de glicose no cérebro e faz com que aquela nuvem carregada de raios estacione sobre você. Uma boa dica é aumentar a quantidade de abóbora ou sementes de girassol na sua dieta: eles contêm grandes quantidades de Triptofano, uma substância que regula o bom-humor e a qualidade do sono. E não se esqueça de colocar um pouco de folhas de Espinafre na salada: elas são ricas em ácido fólico e reduzem os níveis circulantes de homocisteína associados à depressão.

As Bananas são outra boa opção para lanches rápidos: elas são ricas em potássio, triptofano, sucrose, glicose e frutose - todas substâncias envolvidas na manutenção do bom humor.

Os frutos do mar, em especial as ostras, são ricos em zinco, mais uma substância essencial para regular o estado de ânimo. O zinco também está envolvido na produção de testosterona, o principal hormônio do desejo sexual. Pensando bem, acho melhor você não comer ostras no horário de trabalho não...

O bom humor esta na cozinha.

Alho. Você sabia que o alho, é uma das principais fontes de selênio, um sal mineral diretamente envolvido no estímulo dos centros cerebrais da alegria? (Outras fontes de selênio incluem cogumelos, brócolis, aveia, germe de trigo e castanha do Pará).

Além disso, o alho ajuda a evitar o desenvolvimento de várias doenças cardiovasculares. Mas atenção: se ostras no trabalho não é uma boa dica, o consumo excessivo de alho pode causar um verdadeiro desastre na sua vida social. Faça o teste: mastigue meio dente de alho e dê um enooorme beijo em quem você gosta. Viu o que eu disse? Mesmo assim, eu recomendo que você adicione boas quantidades de alho - e pastilhas de menta - à sua dieta habitual.

Finalmente, o ingrediente mais essencial de todos, aquilo sem o quê seu humor irá afundar na piscina feito um martelo sem cabo: a Água. Além de ser responsável por mais de 80% do peso do cérebro e estimular a eliminação de toxinas pelos rins, a água é uma das poucas coisas que eu preparo na cozinha sem fazer muita bagunça. Acalme seu sistema nervoso com pelo menos 08 copos de água ou suco por dia e, como quem não quer nada, aproveite a saída para pegar mais um copo e faça um favor à comunidade. Deixe estas sugestões perto do seu irritado favorito. Ele merece.
Créditos:
Texto © Dr. Alessandro Loiola
Dr. Alessandro Loiola é médico, escritor, palestrante e autor de Vida e Saúde da Criança e Obesidade Infantil ( www.editoranatureza.com.br ). Atualmente reside e clinica em Belo Horizonte, Minas Gerais
avatar
Milene Nery
Já sou muito conhecida(o)
Já sou muito conhecida(o)

Feminino
Número de Mensagens : 836
Idade : 56
Localização : Philadelphia ( EUA )
Ano que descobriu o Lúpus : 2007
Data de inscrição : 17/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alimentacao modificando o humor...

Mensagem  sandra stel. em Seg 08 Nov 2010, 09:54

O bom humor pode ajudar na cura de doenças
Informação, Saúde



Recados Online
monkey

Já se diz o ditado que “Rir é o melhor remédio” e algumas pesquisas realizadas por cientistas conseguem provar a veracidade dessa frase popular. Depois de algumas análises, foi descoberto que o bom humor pode colaborar de forma decisiva para a cura de inúmeras doenças.

Esse tipo de conceito não é recente, ele era muito utilizado durante a antiguidade pelos médicos gregos para efetuar o tratamento dos seus pacientes. Agora um terapeuta de uma universidade na Califórnia descobriu que o bom humor melhora os efeitos dos medicamentos, sendo também um refugio para os doentes.

Rir melhora as condições do sistema circulatório e ajuda aumentar a quantidade de endorfina liberada por meio de secreções. Uma pessoa que se mantém bem humorada cria mais resistência a dor e enfrenta o tratamento com mais coragem. É com base nessa teoria, que algumas pessoas se vestem de palhaço para visitar hospitais infantis.

http://www.blogbrasil.com.br/o-bom-humor-pode-ajudar-na-cura-de-doencas/
mostrarocultar
avatar
sandra stel.
Já sou muito conhecida(o)
Já sou muito conhecida(o)

Feminino
Número de Mensagens : 539
Idade : 49
Localização : Meu Blog http://les-lupusleslescom.blogspot.com/ ( SP
Ano que descobriu o Lúpus : novembro/2004
Data de inscrição : 11/08/2009

http://sandrastelmaschuk@hotmail.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum